Colisão entre carro e micro-ônibus deixa feridos em Parauapebas
08/07/2024 10:57 em Policia

A Polícia Militar registrou na tarde de sábado (6) uma colisão entre dois veículos na Rodovia PA-275, entre os municípios de Parauapebas e Curionópolis. O acidente envolveu um Renault Duster, conduzido por Rubenildo Barroso da Silva, e um micro-ônibus com 20 passageiros, dirigido por Lindon Jonson de Souza Ribeiro.

A guarnição estava em rondas quando foi acionada, às 17h30, por um transeunte que relatou o acidente. Ao chegarem ao local, os policiais confirmaram a colisão, que resultou em várias vítimas feridas, que foram atendidas pelo Samu.

A reportagem do Correio de Carajás esteve no local e conversou com a cobradora da van, Vitória Gonçalves. Segundo ela, o transporte saiu de Parauapebas para Marabá e logo sofreu o acidente.. “Eu não vi nada, estava tirando uma passagem no fundo do micro-ônibus, ao virar as costas fomos surpreendidos pelo impacto”, disse.

No local, a equipe também conversou com o sargento Constantino, do Corpo de Bombeiros, que também foi acionado. “A van capotou e bateu em um poste de alta tensão e nós fizemos a retirada das vítimas e o isolamento da área”. O Corpo de Bombeiros também realizou os serviços de primeiros socorros juntamente com o SAMU.

De acordo com o relato policial, o carro de passeio colidiu com o micro-ônibus no momento de uma ultrapassagem. Embora não tenha havido vítimas fatais, o impacto da batida causou três internações hospitalares.

Ao Correio de Carajás, o motorista do micro-ônibus, Lindon Jonson de Souza, contou o que teria acontecido no momento do incidente. “Eu fazia uma curva na saída de Parauapebas, no momento em que o carro tentou ultrapassar. Neste mesmo instante, havia uma moto vindo em sentido contrário”, contou. Segundo o motorista, ao enxergar a moto, o condutor do carro menor, teria jogado o veículo para o acostamento e colidido com o micro-ônibus, provocando o acidente.

Assustado, o motorista do veículo maior contou o que viu no momento do acidente

Os condutores dos veículos envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil para prestarem depoimento.

Conforme o delegado Tiago Carneiro, que recebeu o caso, o motorista do carro afirma que ao desviar da moto e chegar no acostamento, ele atingiu um banco de areia e acabou derrapando, perdendo o controle do automóvel e retornando para a pista, onde atingiu o micro-ônibus. “Com a batida, o micro-ônibus caiu na ribanceira e infelizmente várias vítimas foram lesionadas”, explicou.

Segundo o delegado, foram constatadas seis vítimas, sendo uma em estado grave. Os motoristas foram submetidos a exame de sangue e nenhum apresentava teor etílico.

O delegado Tiago Carneiro informou que o condutor do carro deve responder por lesão corporal culposa

A Polícia Civil instaurou o inquérito pelo crime de lesão corporal culposa contra o condutor do Renault Duster, Rubenildo Barroso da Silva. “Estaremos aguardando as vítimas receberem alta hospitalar e virem na delegacia para a gente fazer o exame de corpo delito. Agora, é esperar o prazo de 30 dias do inquérito policial para a gente concluir todos os detalhes do acidente”, finalizou Tiago Carneiro. (Milla Andrade com informações de Ronaldo Modesto e Polícia Militar)

CORREIO DE CARAJÁS.

COMENTÁRIOS